Espaço de discussão e reflexão sobre a experiência do olhar e suas reverberações no corpo na construção/remontagem do espetáculo de dança contemporânea "feche os olhos para olhar" da desCompanhia de dança.

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

gente viva é isso

No dia 21 de setembro de 2010, nosso amigo-parceiro-artista-criador Alexandre Zampier foi assistir o ensaio do nosso espetáculo (que agora tem nome!) "feche os olhos para Olhar". Suas anotações sobre este ensaio são de extrema sensibilidade e generosidade. Portanto, decidimos compartilhá-las aqui no blog. O assunto da postagem é o mesmo que ele próprio me enviou por e-mail. Então, aí vai:


intimidade através do movimento silencio
a unica fala é o respiro
respiração conduz a um beijo interior
meu coração esta aqui como um sonho lúcido
todo sentido te desnudar dançando
fico corpo teu a dançar com meus olhos fechados
poesia é amor
nossa historia de sentimentos
ofega teu coração na minha cara
o arfar molhado com costelas inchadas
bicos e olhos longe
nosso olhar é anterior a vontade
eu estou aqui
e quando abre a porta
entra o frio
o fim se aproxima
amor começar tudo de novo

2 comentários:

  1. Ale
    isso tudo é do C A R A _ _ O

    muito bom você por perto

    ResponderExcluir
  2. foi delicia. um nada de pensar, um sentir seguido. foi delicia

    ResponderExcluir